O que é coworking?

O que é coworking? Posso usar como escritório próprio? Essas e muitas outras perguntas surgem quando o assunto é coworking. Principalmente se você é advogado e está procurando uma sala para atendimento.

o-que-e-coworking

Tópicos

O que é coworking?

Coworking ou trabalho compartilhado de forma simples e direta, é um espaço usado por várias empresas e freelancers de forma compartilhada. Nesse ambiente se divide o espaço para trabalhar, as despesas gerais e os locais de área comum. Pois, é um local que pode te propiciar um ótimo networking, onde você poderá trocar muitas experiências com outros profissionais de áreas de atuação e de empresas diferentes.

Pessoas sentadas em seus locais de trabalho no escritório

Como funciona esse estabelecimento?

Funciona de forma muito simples. Basta você alugar uma estação de trabalho, sendo ela privada ou compartilhada, e receber também serviços e algumas facilidades como: recepção, internet e estrutura física, como: auditório, sala de reuniões, estacionamento, etc. 

Além disso, você encontra muitos planos com serviços de endereços fiscais e endereços comerciais. Que são endereços disponibilizados pelo coworking, que você pode utilizar para fins comerciais e fiscais. 

Então, basta você escolher o coworking e o plano que melhor supre as suas necessidades. Esses planos podem ser mensais, por dia ou por hora.

Crescimento do coworking no Brasil

O termo coworking parece novo, porém ele surgiu em 1999 com um designer de games chamado Bernie de Koven. Ao criar esse termo o seu objetivo era estabelecer o ambiente de trabalho online.

Porém foi só no ano de 2005 nos Estados Unidos que Brad Neuberg e mais dois empreendedores fundaram de fato um espaço chamado Hat Factory. O espaço já começou a ser pensado e desenvolvido como coworking, sendo compartilhado o espaço por eles e por outros profissionais.

Sendo assim, como bem observamos, esse estilo de trabalho se tornou atrativo o suficiente para se espalhar pelo mundo todo. Mas…

Como começou o coworking no Brasil?

O coworking no Brasil começou em São Paulo, por volta de 2007. E desde então o número de coworkings aumentou muito. Prova disso é que de 2019 a 2023, a quantidade de espaços de trabalho compartilhados saltou 63%, formando o atual número de 2.443 coworkings no país. 

Fonte. globo.com

E dentre esses coworking, hoje você consegue encontrar coworkings exclusivos para Advogados. Algo inovador e que ajuda muitos advogados no início da sua carreira. Afinal é possível ter um espaço com o custo benefício acessível e privacidade para atender seus clientes.

No próximo tópico vamos entender como encontrar esses espaços.

Imagens de pessoas trabalhando juntas

Como encontrar um coworking para advogados?

Como vimos, o número de empresas de coworking está cada vez maior no Brasil, ainda mais depois da pandemia, onde muitos passaram a trabalhar em Home Office. Sendo assim, ofertas de lugares para trabalhar remotamente não faltam hoje.

Mas, se você é um advogado e está procurando por privacidade, silêncio e um ambiente com cara de escritório particular, sua busca já não é tão fácil assim. Afinal 80% dos coworkings que existem hoje atendem, na sua grande maioria, freelancers, ou seja, são ambientes mais despojados, com barulho, conversas e muito networking.

Porém, a boa notícia é que coworkings para advogados existem, e você poderá trabalhar em um ambiente apropriado para o seu dia a dia. Esses espaços também oferecem planos mensais, diários e por hora. Muitos proporcionam o plano Home Office, nesse plano você poderá utilizar endereço comercial, ou endereço fiscal, além de utilizar salas para atendimento ao cliente.

Para encontrar esses coworkings para advogados, basta você colocar no Google: Coworking para advogados, e selecionar o lugar mais próximo de você.

Ou economize tempo e já conheça a Advocattus Coworking!

O Advocattus Coworking tem ótimas opções para você. Veja o local e a disponibilidade.

No próximo tópico vamos detalhar mais sobre a diferença de coworking tradicional e coworking jurídico.

Escritório com vários advogados conversando

Diferença em coworking tradicional para o coworking jurídico.

Até agora já conseguimos entender bem que coworking se trata de um espaço compartilhado, então como é possível que haja diferença entre coworking tradicional e coworking jurídico? Afinal os dois não são espaços compartilhados?

Na verdade há muitos fatores que diferem um do outro. Vamos começar com o coworking tradicional. 

Coworking tradicional

Veja os diferenciais:

Salas privativas

Esses espaços são ideais para atender um cliente ou então empresas que precisam de espaço para reuniões com três a cinco pessoas.

Estacionamento de coworking

Nem sempre o coworking será perto da sua casa, então esse recurso é muito importante para que você trabalhe em paz.

Internet e Impressoras

Internet é um dos serviços essenciais para um coworking, porém não é simplesmente ter um Wiffi. Muitas empresas investem em redes de internet para cada espaço do coworking, garantindo que a velocidade seja de boa qualidade.

A impressora sem dúvida é algo que te ajudará muito. Embora hoje temos tudo em uma máquina, às vezes precisamos imprimir um documento importante e ir na esquina para imprimir é algo impossível durante o dia, então os coworkings entregam essa facilidade para você.

Escritório Virtual

Esse sem dúvida é um dos serviços que facilitam a vida de quem procura um coworking, afinal com ele você terá um sistema que gerencie as ligações que você receberá no coworking, correspondências e recados, além de ter o endereço fiscal ou comercial.

Estações Compartilhadas

Essa é uma ótima opção para quem trabalha sozinho, assim você poderá interagir com outras pessoas de diversas áreas.

Recepção

O trabalho da recepção é cuidar de todos que buscam por você. Sendo assim, durante o tempo que estiver contratando o serviço de coworking a recepção irá cuidar de suas ligações, correspondências e atendimento de seus clientes.

Estrutura física

Na grande maioria os coworking são espaçosos, modernos e práticos. Portanto suprindo muito bem a necessidade de quem busca essas opções.

Salas de reunião

Nem sempre você irá trabalhar sozinho, poderá surgir situações de reuniões presenciais, virtuais ou atendimento de clientes. Sendo assim a sala de reunião deve suprir essa necessidade.

Auditório

Esse é um diferencial para os coworking tradicionais, afinal muitas empresas podem precisar de um espaço maior para workshops. 

Espaços de convivência

A grande sacada do coworking tradicional é a interação de pessoas para trocas de ideias. Então nada melhor que uma área de mente relaxada para isso. Nos espaços de convivência é onde surgem várias ideias novas. Em muitos coworkings esse ambiente fica em um espaço de café.

Coworking Jurídico

Veja os diferenciais:

Armário privado em coworking jurídico

É muito importante que um advogado tenha um armário privativo, afinal ele precisará guardar documentos importantes dele e de seus clientes.

Sala de reuniões 

A sala de reunião ajudará o advogado a atender seu cliente melhor caso ele não esteja sozinho. Muitas vezes os clientes vão acompanhados de filhos, esposa, pais, irmãos ou amigos e para melhor acomodar essas pessoas uma sala de reunião é ideal.

Espaço para convivência 

Assim como no coworking tradicional, o coworking jurídico também oferece esse espaço para que você possa interagir com outros advogados, ampliar seus conhecimentos e relaxar o cérebro. 

Cozinha 

Qual advogado não precisa de um café ou chá? Esse é projetado para suprir essas necessidades, fornecendo sempre cafés e chás quentinhos durante todo o dia. Além é claro de disponibilizar formas de se alimentar no coworking sem que precise sair.

Endereço comercial

O endereço comercial é usado para divulgação do seu atendimento. Ou seja, você poderá colocar o endereço do coworking jurídico em seu cartão de visita, site, redes sociais e correspondências.

Endereço fiscal

O endereço fiscal é aquele que você usará para fins burocráticos. São esses, emissões de notas fiscais, contratos de honorários e procurações.

Serviço de impressão

Como advogado você utilizará muito esse serviço, afinal terá que imprimir todos os contratos e procurações de seus clientes.

Serviço de secretariado

O serviço de secretariado te ajudará a manter seu cliente tranquilo e sua agenda organizada. 

Telefone privado

A descrição é uma das coisas que mais se procura ao contratar um advogado. Então ter como atender seu cliente de forma discreta e reservada será um grande diferencial.

Internet de alta velocidade

Sabemos que como advogado muitas vezes você terá pouco tempo para fazer um peticionamento e para que tudo funcione dentro do prazo, você precisará de uma internet de alta velocidade. 

Ambiente de qualidade

Coworking jurídicos disponibilizam ambientes com ar-condicionado, cadeiras ergonômicas, salas de atendimento privativas e ambiente silencioso. 

Sendo assim são ambientes sóbrios, discretos e elegantes, adequado para advogados trabalharem, interagirem e receberem seus clientes.

As salas da OAB, são modelos de coworking?

Por exemplo, muitos advogados optam por salas da OAB, mas será que elas suprem todas as suas necessidades?

A sala que a OAB disponibiliza para os advogados é um espaço público de uso compartilhado, portanto para o seu uso os advogados devem agir de acordo com os princípios da moral individual, social e profissional, além de manterem boas relações com os colegas.

Além de seguir esses termos é preciso que você faça reservas antecipadas para a disponibilização da sala.

Portanto já percebemos que existem várias diferenças entre as salas da OAB e de coworking jurídicos. Sendo assim entendemos claramente que as salas da OAB não são modelos de coworkings.

No entanto, a principal vantagem de escolher um coworking jurídico é a sensação de ter um escritório próprio, como também um custo benefício super acessível até para quem está iniciando sua carreira. Além disso, muitos coworking jurídicos disponibilizam contratos de meses e anos, além de permitir que você organize a sala do seu jeito, dentro dos padrões de decoração estabelecidos no contrato. 

sala de computadores

Perguntas e Respostas

O que é um coworking?

De forma resumida coworking ou trabalho compartilhado é um espaço usado por várias empresas e freelancers de forma compartilhada.

Existe coworking para advogados?

Sim, hoje encontramos vários coworkings jurídicos, preparados para atender advogados. Para ver a disponibilidade para sua região entre aqui.

Como são as salas de advogados da OAB?

A sala que a OAB disponibiliza para os advogados é um espaço público de uso compartilhado e para você conseguir utilizar é preciso fazer uma reserva com bastante antecedência.

Conclusão

Concluindo, esse texto tinha a missão de te explicar melhor o que é coworking. Espero que tenha te ajudado, ao menos um pouco.

Por outro lado, caso precise de mais ajuda para encontrar um coworking jurídico entre em contato com a gente. Estaremos prontos para te ajudar. 

Obrigado.

COMPARTILHAR:

POSTS RELACIONADOS

Como funciona um coworking?

Saiba como funciona um coworking, afinal embora seja algo antigo em alguns lugares, o coworking ganhou mais visibilidade no Brasil em 2017, então é algo

Comente

Seu e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *