Aposentados podem fazer a “Revisão da Vida Toda” para aumentar os valores de seus benefícios

“Revisão da vida toda” é um processo judicial em que os aposentados pedem que todas as suas contribuições ao INSS, sem exceção, sejam analisadas para o cálculo do valor a ser recebido na aposentadoria.

A ótima notícia para os aposentados é que há muitas possibilidades de aumento no valor dos benefícios ao solicitar essa revisão.

Eles terão o direito de utilizar todas as contribuições previdenciárias. Para recalcular e, possivelmente, aumentar o valor de suas aposentadorias. Incluindo as contribuições que foram pagas antes da instituição do Plano Real (conjunto de ações econômicas para combater a alta inflação no país em 1994).

Os beneficiários que se aposentaram depois do ano de 1999, ano em que ocorreu uma mudança na maneira de calcular os benefícios, podem solicitar uma revisão do pagamento. Para que sejam incluídas contribuições feitas desde o ano de 1994.

O debate surgiu a partir da lei 9.876, de 1999, que mudou o jeito de calcular os valores. Antes a conta levava em consideração, simplesmente a média das últimas 36 contribuições feitas à previdência oficial.

Depois da lei, a base do cálculo mudou. E será a média integral de “todas as contribuições realizadas”. Menos as que são 20% de valores mais baixos.

Um exemplo prático: para uma pessoa que possuísse 600 contribuições para o INSS ao decorrer da vida, a conta passou a ser sobre as 480 maiores (80% das contribuições); E não inclui as 120 contribuições de menor valor (20% das contribuições).

A principal meta é evitar interferências. Para quem, propositalmente, aumentar a contribuição apenas nos últimos 36 meses. Conforme a lei determina.

Quem possui direto a “Revisão da Vida Toda”?

  1. Aposentados com contribuições significativas que ocorreram antes de 1994;
  2. Não ter recebido o primeiro pagamento há mais de 10 anos;
  3. Não ter se aposentado segundo as novas regras da Previdência.

Espero que essa informação tenha contribuído para você. Se tiver alguma dúvida, me chama no WhatsApp ali no botão, ou na imagem abaixo! Estamos à disposição para esclarecer todas as informações e analisar seu caso.

COMPARTILHAR:

POSTS RELACIONADOS

Comente

Seu e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *